domingo, 10 de março de 2019

Pixel 3 e Pixel 3 XL agora aceitos pelo Mail-In Repair Center do Google



Mesmo que tenham passado quase cinco meses desde que o Google lançou o Pixel 3 e o Pixel 3 XL, o centro de reparo da empresa não aceitou os novos dispositivos. Isso tornaria difícil obter o dispositivo reparado da empresa se fosse danificado. Isso finalmente muda hoje, pois o centro de reparos de correspondência da empresa agora aceita o Pixel 3 e o Pixel 3 XL.

Os proprietários do Pixel 3 e do Pixel 3 XL não podiam usar os serviços do centro de reparos enviados pelo Google para seus dispositivos. Eles tiveram que encontrar uma locação walk-in uBreakifix em vez disso, que estava lidando com reparos oficiais para esses dispositivos.

Você ainda verá que o centro de reparos do Google direciona os proprietários do Pixel 3 e do Pixel 3 XL para um local específico, mas a empresa atualizou a página de suporte para confirmar que o Pixel 3s agora pode ser enviado diretamente para a empresa.

O centro de reparos de correspondência do Google finalmente aceita os aparelhos citados acima para o trabalho de reparo. Todo o processo pode levar até dez dias, mas será uma boa opção para quem não mora perto de um local autorizado.

Uma solicitação de reparo pode ser iniciada inserindo um IMEI ou número de série no site do centro de reparo . Esse processo é separado dos aparelhos que têm o Preferred Care, que fornece aos membros um dispositivo de substituição enviado durante a noite.

Fonte:ubergizmo
Previous Post
Next Post

comentários

/** * RECOMMENDED CONFIGURATION VARIABLES: EDIT AND UNCOMMENT THE SECTION BELOW TO INSERT DYNAMIC VALUES FROM YOUR PLATFORM OR CMS. * LEARN WHY DEFINING THESE VARIABLES IS IMPORTANT: https://disqus.com/admin/universalcode/#configuration-variables*/ /* var disqus_config = function () { this.page.url = PAGE_URL; // Replace PAGE_URL with your page's canonical URL variable this.page.identifier = PAGE_IDENTIFIER; // Replace PAGE_IDENTIFIER with your page's unique identifier variable }; */ (function() { // DON'T EDIT BELOW THIS LINE var d = document, s = d.createElement('script'); s.src = 'https://weeknow.disqus.com/embed.js'; s.setAttribute('data-timestamp', +new Date()); (d.head || d.body).appendChild(s); })();

0 comentários: