quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

Google bane 29 apps de fotos que roubavam imagens



Sempre que você faz o download de uma câmera ou aplicativo de edição de fotos, geralmente pede permissão para acessar suas fotos e sua câmera. Isso faz sentido e, na maior parte, a maioria de nós não pensaria duas vezes sobre isso. Infelizmente, parece que houve alguns aplicativos de câmera que abusam dessas permissões e estão roubando fotos de usuários.

Isso está de acordo com um relatório da empresa de segurança Trend Micro (via Android Police ) que descobriu que havia cerca de 29 aplicativos maliciosos na Google Play Store que se disfarçavam de aplicativos de câmera de beleza, apenas para usuários de phishing e roubavam suas fotos. Esses aplicativos foram baixados milhões de vezes e só recentemente foram removidos pelo Google.

Como esses aplicativos roubam fotos é que, quando os usuários fazem o upload de um aplicativo para aplicar o filtro, o aplicativo envia a imagem para um servidor particular, que retorna uma mensagem de erro ao usuário para que ele atualize o aplicativo. mas a essa altura já seria tarde demais, já que a foto já teria sido enviada para outra pessoa.

Alguns aplicativos até encaminhavam usuários a sites de phishing para roubar suas informações e também carregavam anúncios em tela cheia, alguns dos quais tinham conteúdo pornográfico. Para piorar, esses aplicativos também receberam críticas falsas de 5 estrelas para parecer mais legítimo.

Fonte:ubergizmo trend micro
Previous Post
Next Post

comentários

/** * RECOMMENDED CONFIGURATION VARIABLES: EDIT AND UNCOMMENT THE SECTION BELOW TO INSERT DYNAMIC VALUES FROM YOUR PLATFORM OR CMS. * LEARN WHY DEFINING THESE VARIABLES IS IMPORTANT: https://disqus.com/admin/universalcode/#configuration-variables*/ /* var disqus_config = function () { this.page.url = PAGE_URL; // Replace PAGE_URL with your page's canonical URL variable this.page.identifier = PAGE_IDENTIFIER; // Replace PAGE_IDENTIFIER with your page's unique identifier variable }; */ (function() { // DON'T EDIT BELOW THIS LINE var d = document, s = d.createElement('script'); s.src = 'https://weeknow.disqus.com/embed.js'; s.setAttribute('data-timestamp', +new Date()); (d.head || d.body).appendChild(s); })();

0 comentários: