terça-feira, 22 de março de 2016

Apple lança suporte a Linguagem de programação swift 2.2 para Linux

Depois dos anúncios do iOS 9.3, iPhone SE e etc, a apple acaba de dar suporte a sua linguagem de programação para OSX e Linux, então se você é programador usa linux e deseja aprender essa nova linguagem, a hora é agora.



No começo de dezembro, a apple anunciou que sua nova linguagem seria open-source e disponibilizou todo o projeto no GitHub, onde você pode conferir e acompanhar o projeto.

Agora ontem, 21 de março de 2016, quem é usuário linux já pode baixar a versão de produção do swift 2.2, no momento é apenas compatível com o ubuntu 14.04 LTS e o ubuntu 15.10.

"O Swift 2.2 inclui suporte para o Swift no Linux. O porte para Linux ainda é relativamente novo e nesta versão não inclui os Núcleos das Bibliotecas swift (que aparecerá no Swift 3). no entanto, incluem LLDB e o REPL" 
disse Ted Kremenek, gerente sênior de Fonte Línguas na Apple.

O Swift 2.2 é distribuído como parte do Xcode 7.3

Como já era de ser esperado, a linguagem de programação Swift 2.2 é distribuída como parte do grande Xcode 7.3, ambiente de desenvolvimento integrado para usuários do Mac OS X, mas a comunidade Linux pode obter os binários para Ubuntu 15.10 ou Ubuntu 14.04 LTS  a partir da página oficial de download.

Pelo site você pode obter informações detalhadas de instalação.



Fonte: Softpedia
Previous Post
Next Post

Idealizador e mantenedor do blog Ubunters desde 2014. Sou amante de Web Design e trabalho com sites e blogs desde 2012, entusiasta de informática desde criança comecei a me interessar por Linux desde cedo, depois disso não parei mais. O Blog nasceu da vontade de divulgar notícias de tecnologia e open-source.

comentários

/** * RECOMMENDED CONFIGURATION VARIABLES: EDIT AND UNCOMMENT THE SECTION BELOW TO INSERT DYNAMIC VALUES FROM YOUR PLATFORM OR CMS. * LEARN WHY DEFINING THESE VARIABLES IS IMPORTANT: https://disqus.com/admin/universalcode/#configuration-variables*/ /* var disqus_config = function () { this.page.url = PAGE_URL; // Replace PAGE_URL with your page's canonical URL variable this.page.identifier = PAGE_IDENTIFIER; // Replace PAGE_IDENTIFIER with your page's unique identifier variable }; */ (function() { // DON'T EDIT BELOW THIS LINE var d = document, s = d.createElement('script'); s.src = 'https://weeknow.disqus.com/embed.js'; s.setAttribute('data-timestamp', +new Date()); (d.head || d.body).appendChild(s); })();

0 comentários: